Categorias
15 mar.
2021

Realidade Virtual no Mercado Imobiliário

A Realidade Virtual atravessou as fronteiras dos jogos, da educação (confira post da Incena sobre o tema: https://bityli.com/LEMDq) e do entretenimento para chegar com tudo no mercado imobiliário. Graças a movimentos como esse, o setor tem realizado mais e melhores vendas, sobretudo em tempos de pandemia, quando os clientes estão menos predispostos a buscar imóveis presencialmente.

Mas o que é exatamente a Realidade Virtual?

A RV, por meio de três dimensões, simula ambientes reais onde o usurário é capaz de se sentir inserido. Essa sensação é induzida por efeitos visuais, sonoros e até táteis em algumas modalidades de programação. Tudo isso fluindo como movimentos naturais do corpo humano, como os de andar e olhar para várias direções.

O equipamento mais comum de Realidade Virtual usa headsets que cobrem os olhos e ouvidos, isolando a pessoa dos estímulos externos e ajudando a proporcionar a imersão na experiência.

. Como você deve estar imaginando, as possibilidades da RV são enormes para se apresentar e vender imóveis.

E é justamente sobre elas que vamos falar a partir de agora.

Pronto para se transportar para essa experiência?

Por que a Realidade Virtual tem sido usada no mercado imobiliário?

A Realidade Virtual tem possibilitado, mesmo antes da pandemia, que empresas do setor economizem tempo, dinheiro e enriqueçam a experiência dos clientes na busca de informações sobre imóveis.

Segundo TelSyte, empresa de consultoria em tecnologia, a RV fará parte de mais de 25% dos domicílios em 2021 e uma pesquisa internacional mostra que 81% dos corretores consideram que a Realidade Virtual é uma mudança decisiva no processo de vendas.

Vantagens da Realidade Virtual

  • Imóvel sempre disponível: o cliente pode fazer um tour virtual pelos imóveis que está interessado quando, onde quiser e simultaneamente;
  • Redução e custos e variedade de projetos em apartamentos decorados: montar um decorado real é caro, a ornamentação é única e nem todos os clientes estão dispostos a visitá-lo pessoalmente. A Realidade Virtual pode virar esse jogo;
  • O corretor vai ao cliente, e não o contrário: as prospecções ficam muito mais ágeis e não preciso ficar esperando que clientes apareçam. Apenas o que pode agradar é mostrado;
  • Criação de experiências sensoriais: É difícil para o cliente visualizar uma planta baixa, e, mesmo ao visitar um imóvel ou obra, tudo parece muito impessoal. A RV torna possível que ele se imagine morando lá;   
  • Mais competitividade: Apesar da Realidade Virtual está em voga, o setor imobiliário demorou para adotá-la. Muitas empresas ainda não fazem o seu uso e você pode sair na frente;
  • Transformação de imóveis físicos em virtuais: A RV não é usada só para projetos que ainda não estão de pé. Imóveis prontos ou usados podem, e muito, se beneficiar dessa tecnologia. Tudo pode ser personalizado, bem como os pontos fortes valorizados e os pontos fracos minimizados;
  • Informações exibidas durante a experiência: Durante um tour virtual, o cliente pode não só ver e se sentir no imóvel como poder ler tópicos com informações importantes sobre o produto.

Maneiras de utilizar a Realidade Virtual no Mercado Imobiliário

  • Stands de vendas: mesmo em ações presenciais como o tradicional stand de vendas, a RV é um diferencial e tanto na hora de mostrar o empreendimento e impressionar os clientes;
  • Feiras, eventos e shoppings:  Com a ajuda da Realidade Virtual, lançamentos imobiliários podem se tornar verdadeiras atrações nesses locais, além de captar muitos leads;
  • Brindes: Mais do que de viver uma experiência única, o cliente pode levar para casa óculos de RV em formatos mais baratos, como o papelão (sim, funciona) e usar a tecnologia acoplada ao celular para aproveitar outros conteúdos;
  • APPs de realidade virtual com conteúdo online: os APPs estão democratizando a Realidade Virtual e, por meio deles, é possível compartilhar conteúdos online em RV de empreendimentos ou imóveis;
  • Tour 360º nas redes sociais: versões em vídeo de tours virtuais costumam ter mais alcance e engajamento nas postagens de construtoras e imobiliárias;
  • Envio de tour virtual 360º por WhatsApp; os corretores podem também enviar essas versões em vídeo para os clientes pelo WhatsAPP, aumentando o interesse e a oferta de imóveis disponíveis de acordo com cada perfil.

A Realidade Virtual veio para ficar e impulsionar as possibilidades do mercado imobiliários rumo ao futuro. O segmento e os corretores já entendem que ao invés de se apresentar como uma ameaça, a RV se traduz em uma grande oportunidade para gerar vendas e fidelizar clientes. O cenário ideal é incluir a Realidade Virtual ao escopo de um projeto sólido de Marketing para que ela não se torne apenas uma ferramenta da moda. Conte com a Incena Digital nessa imersão!

Posts Relacionados




Assine nossa newsletter

Todos os direitos reservados 2021 - Blog Incena Digital