Categorias
17 nov.
2021

O papel dos corretores em um cenário digitalizado

Aquela época em que o corretor era um mero vendedor, que apenas informa as opções de financiamento, especificações e diferenciais do imóvel para os clientes acabou. A internet e as redes sociais nunca estiveram tão presentes nas jornadas de compra. A infinidade de informações e opções tirou o poder das mãos desses profissionais. Mas, mesmo assim, o papel dos corretores em um cenário digitalizado continua sendo decisivo.

A concorrência, composta por profissionais e empresas atuantes na região, passou para o meio digital. Com isso, é importantíssimo para os profissionais se atualizarem de maneira adequada para não ficarem para trás.

Facilitadores e não mais vendedores importunos

Com a internet, onde quase todas as informações podem ser facilmente acessadas, ainda mais pessoas têm uma percepção negativa de corretores e imobiliárias: muita burocracia, grande atenção na etapa de visitas e prospecções e um certo abandono depois do negócio fechado. Para desfazer essa visão é necessário entender de que forma é possível se tornar um facilitador para seus clientes.

Adaptação ao retorno da audiência na preparação do terreno para os corretores

Para que os negócios continuem aparecendo, é necessário consolidar a presença na internet de maneira a construir uma posição de autoridade sobre o tema proposto. Isso significa fornecer informações relevantes e com qualidade nos canais digitais e também ser ágil e atencioso nas conversas com os possíveis compradores.

Isso tudo só é possível alimentando seus canais digitais com diálogos genuínos, tocando nos temas do momento. Para conseguir chegar nesse ponto, onde o público reage aos assuntos publicados e guia o profissional ou organização para a melhor sintonia, é necessário frequência, análise de resultados e senso de oportunidade, de modo a transformar seguidores em leads qualificados para a abordagem dos corretores.

Os clientes pesquisando na internet e os corretores também

Da mesma maneira que os consumidores usam a internet para obter informações sobre imóveis, os corretores podem e devem fazer o caminho inverso para acessar o que eles estão buscando, seus hábitos, comportamentos e até sonhos. Sabendo com quem vai se falar, a probabilidade de se tornar inconveniente cai drasticamente.

O papel dos corretores em um cenário digitalizado: trocando a insistência pela agilidade e a persistência

Demorar para responder um contato do cliente é mortal em um mercado acelerado digitalmente como o dos dias de hoje. Da mesma forma, desistir dele fácil pode representar o desperdício de uma oportunidade valiosa. Com informações em mãos municiadas pelas imobiliárias, construtoras e pela própria pesquisa do corretor, é possível manter um diálogo ágil e frequente com o lead e persistir no atendimento da sua necessidade sem se tornar inoportuno.

Frequência para falar melhor

Mantendo um contato constante com os clientes, a cocriação de conteúdo é estimulada. O bom senso quanto ao número de contatos (ou posts) varia de acordo com a rede escolhida e as personas (ou os perfis médios hipotéticos dos clientes) trabalhadas.

Ao mesmo tempo que não é bom abandonar o canal de comunicação, ou renovar os assuntos sem um ritmo aparente, é contraproducente inundar a tela dos clientes com uma tempestade de conteúdos jogados aleatoriamente.

Saber medir é saber ouvir

Com a constância das publicações e contatos, é possível entender nuances como o melhor dia para cada assunto, o momento adequado para o primeiro contato do time comercial e descobrir oportunidades de estreitar laços com antigos e novos clientes.

No lugar certo, na hora certa

O senso de oportunidade é obtido quando entendemos o contexto no qual estamos inseridos e de que forma é possível utilizar os conhecimentos e experiências dos corretores a favor da  solução das dores dos clientes.  

Depois que a pessoa migra das ferramentas de busca ou das redes sociais para o seu cadastro de clientes, (com dados privados) é necessário ter segurança e treinamento para lidar com as informações. A Lei Geral de Proteção de Dados chegou como forma de assegurar os direitos dos indivíduos que usam a internet, seja para ler um blog, participar de uma lista de emails ou interagir em uma rede social.

O papel de uma agência nesse processo

Para ficar na cena certa com a audiência, trabalhamos e estudamos diariamente como nossos processos podem ser aprimorados para levar aos nossos clientes as melhores formas de alimentar seus setores comerciais com contatos informados, interessados e prontos para fechar negócio. Fale com o time da Incena Digital, estamos prontos para te ajudar nessa tarefa importantíssima e negligenciada por boa parte das agências.

Posts Relacionados




Assine nossa newsletter

Todos os direitos reservados 2021 - Blog Incena Digital